Entrar



Archive for fevereiro, 2011

Cuidado!

fevereiro 14th, 2011 by

No verão temos que cuidar muito com outras embarcações.

Nunca se sabe quem está no comando delas…

Molhe de Itajaí

fevereiro 12th, 2011 by

Alguns barcos no Rio Itajaí Açú.

.

.

.

.

.

.

Governo ressucita decreto que impõe taxa por uso de espelho d´água

fevereiro 11th, 2011 by

.

O governo federal decidiu ressuscitar um decreto-lei de 1946 para iniciar a cobrança de uma taxa pelo uso do espelho d”água em portos, marinas, estaleiros e plataformas. A medida, prevista na Portaria 24, do dia 28 de janeiro, não só vai na contramão das reivindicações da sociedade para reduzir a carga tributária, como também vai diminuir a competitividade do produto nacional, uma vez que elevará o custo do frete.

De acordo com a portaria, todas as estruturas privadas que estejam em espaços físicos em águas públicas terão 180 dias para regularizar a situação na Secretaria do Patrimônio da União (SPU), ligada ao Ministério do Planejamento. Isso inclui atividades institucionais, habitacionais, de lazer, comerciais ou industriais. No caso dos portos privativos, o não cumprimento da regra será passível de multas e até a perda de autorização – ou concessão -, afirma o superintendente de Portos da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Giovanni Paiva.

Ele explica que, para a agência conceder uma outorga, ela precisa de uma série de licenças de outros órgãos, como do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) e da SPU. “Eu somo licenças. Sem uma delas, não consigo concluir o processo.” O executivo conta que a regra de tributação do espelho d’água é antiga, mas só agora a SPU resolveu operacionalizá-la no setor.

A taxa será paga anualmente e pode ser dividida em até 12 meses. Ao contrário de tributos com receita direcionada, toda arrecadação auferida será destinada ao Tesouro Nacional para ajudar no orçamento federal. Ou seja, os portos não terão acesso – pelo menos diretamente – a esse dinheiro, que deverá chegar a à casa dos bilhões.

Fórmula. A taxa será calculada com base numa fórmula que inclui o preço do terreno usado, a área ocupada e o valor total do investimento em reais, além de outros itens. Em caso de estruturas já instaladas e em operação, o empreendedor terá de apresentar um laudo com todas as informações, atestadas por um profissional habilitado, conforme determinado pela portaria.

O diretor da SPU, Luciano Roda, explica que a água é um bem de uso comum. Portanto, precisa ser taxada, a exemplo do que ocorre com áreas da União. “A portaria é resultado da aproximação entre a Antaq e a secretaria. A fórmula de cálculo da taxa foi feita em parceira com a agência, que conhece bem as características da atividade náutica.” Para ele, nada mais justo que uma empresa privada que usa o espaço público e tem lucros pagar por isso. O executivo garante que já há empresas que pagam pelo uso da água.

O presidente da Associação Brasileira de Terminais Portuários (ABTP), Wilen Manteli, destaca que, nesse caso, essas companhias usam, de fato, a água. Nos portos, os terminais não retiram água do mar (ou do rio) para usar, esclarece ele.

Fonte: Estadão

Por Marcus Lotfi

Via Portal Marítimo

Embarcação de polietileno é destaque no Meliá Angra Marina

fevereiro 9th, 2011 by

.

Entre os dias 25 e 27 de fevereiro, no Meliá Angra Marina (RJ), acontece o Sea Trail Weekend Pioner, promovido por três empresas do setor, a Smart Pier, Westrec Marinas e Marina Meliá-Angra.

Na ocasião, será apresentado o Pioner 17, primeiro barco com casco resistente a altos impactos. Durante os três dias, os adoradores do mar terão a oportunidade de conhecer as características da embarcação e ainda ver seus diferenciais navegando.

Com um cenário paradisíaco, o evento, que é gratuito, será uma excelente oportunidade para os interessados em náutica conhecerem as vantagens de um barco de polietileno no mar, em movimento.

Características do barco

A embarcação feita de polietileno retomoldado 100 % reciclável é uma espécie de plástico resistente, usado na confecção de tanques de combustível para automóveis e caiaques. Além de durável, resiste à raios Ultra Violeta. Resultado de um projeto norueguês, o barco tem seu casco com “ V” profundo, proporcionando uma navegação mais suave e seca, mesmo em mares agitados. Em três cores disponíveis, branco, vermelho e amarelo, e com 17 pés de comprimento (5,20m), o modelo custa a partir R$ 24 mil.

Moldado em uma única peça (monobloco), o Pioner 17 pode suportar um tratamento bruto, temperaturas extremas, como o frio de águas geladas, e o calor da luz solar, sem danos. Pode ser equipado com motor de popa de 40 a 90 hps e capacidade para até oito pessoas sentadas. Seus diferenciais são: leveza (é mais leve que os convencionais), resistência, design, espaço, desempenho e preço.

“O barco pode ser utilizado para diversas finalidades, como passeios, esportes aquáticos (esqui e mergulho), serviços e pesca. Além de ter o melhor custo-benefício que os concorrentes, porque aliamos resistência a um preço acessível”, comenta Kraljevic.

Sea Trail Weekend Pioner

O Sea Trail Weekend Pioner será realizado no Meliá Angra Marina, localizado na Rodovia Rio Santos (BR-101), km 488 Angra dos Reis. É destinado a iniciantes que tenham interesse em comprar um barco, proprietários de grandes embarcações, empresas de serviço, marinas, empresas de mergulho e interessados no assunto. A apresentação, durante os três dias, tem inicio às 10h00 e termino às 18h00.

Sobre  a Smart Pier

Empresa especializada na fabricação de flutuantes e equipamentos náuticos há 22 anos. É fornecedora de tanques de combustível para montadoras como GM e Volvo. Além de produzir peças, como flutuantes, caiaques, pedalinhos e veleiros em polietileno.

Fonte: Portal Bagarai

Por Marcus Lotfi

Via: Portal Marítimo

Uma bela combinação!

fevereiro 9th, 2011 by

Um veleiro, um dia de sol e o mar tranquilo…

Precisa mais??

Mestre do disfarce

fevereiro 8th, 2011 by

.

.

Defesa Civil alerta região Sul do Brasil para que procure abrigo em caso de chuva e vento fortes

fevereiro 8th, 2011 by

Ciclone extratropical vindo da Argentina pode causar temporais no RS e SC

Os departamentos de Defesa Civil dos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná orientam a população para que procure abrigo em locais seguros no caso de fortes chuvas com vento, ocasionadas pela aproximação de um ciclone extratropical vindo da Argentina. Em Santa Catarina, o dia é de instabilidade, com previsão de temporal e granizo entre a tarde e noite.

A Defesa Civil catarinense divulgou orientações na internet para que, além de buscar abrigo em caso de chuva, as pessoas “evitem o trânsito em locais abertos, próximo a árvores, placas ou objetos que possam ser arremessados”. Em caso de alagamento, a população deve evitar o contato com a água para se prevenir do contágio de doenças.

Todos devem ficar atentos, nas áreas de encosta, ao movimento de terra e rochas e observar a inclinação de postes e árvores. Se houver chuva de granizo, o conselho é ir para lugares com boas coberturas (como os banheiros das residências, que, além do telhado ou laje, costumam ter forro próprio). Durante as chuvas, portas e janelas devem ser fechadas e os moradores não devem manusear nenhum equipamento elétrico ou telefone por causa da descarga elétrica de raios.

De acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Ceptec) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), uma faixa de chuva poderá subir do litoral do Rio Grande do Sul até o oeste do Paraná atravessando a parte ocidental de Santa Catarina. Nos três Estados, o número de emergência da Defesa Civil é o 199.

AGÊNCIA BRASIL
Via ClicRBS

Falta infraestrutura para receber cruzeiros – Florianópolis é destaque negativo

fevereiro 7th, 2011 by

Ao fazer um cruzeiro na viagem de férias, o consumidor encontra problemas associados aos aeroportos brasileiros, como filas, falta de sinalização e dificuldades para estacionar o carro nos portos nacionais. Um estudo da Abremar (Associação Brasileiras de Cruzeiros Marítimos) mostra que nenhum porto brasileiro está completamente adaptado à chegada dos transatlânticos.

Para Ricardo Amaral, presidente da Abremar e diretor da Royal Caribbean, existe uma contradição no setor. “Enquanto ele cresce em ritmo chinês [por volta dos 30% nas duas últimas temporadas], há destinos que sumiram. Outros recebem menos navios que antes.”

Procurada, a Secretaria Especial de Portos, que recebeu o estudo, segundo a Abremar, não respondeu.

Florianópolis (SC) está na lista dos portos que desapareceram das bússolas. “As instalações atuais são inseguras. O píer chega na areia e não tem nem proteção lateral. O risco de cair na água é grande”, diz Amaral. Desde a temporada 2008/2009 navios de cruzeiro não param em Canasvieiras.

Mesmo os grandes portos, como Santos e Rio, têm problemas. “Em Santos, as mangueiras para abastecer o navio com água são muito antigas. Elas não dão conta. As empresas alugam barcaças com água para encher os reservatórios.”

Com as informações – Folha de São Paulo

Por Rodrigo Cintra

Via Portal Marítimo

Começa nesta terça-feira o 22ª Circuito Oceânico da Ilha de Santa Catarina

fevereiro 7th, 2011 by
Divulgação
Com 55 veleiros inscritos a edição de 2008 bateu recordes de paticipação

Começa nesta terça-feira, dia 8 de fevereiro, o 22º Circuito Oceânico da Ilha de Santa Catarina. A competição, será também a primeira etapa dos campeonatos brasileiros de ORC-Internacional e ORC-Club terão seguem até sábado, dia 12, na sede de Jurerê do Yacht Clube de Santa Catarina–Veleiros da Ilha.

A primeira edição do circuito foi disputada no verão de 1980 e nomes como Roberto Pellicano, Lauritz Von Lachmann, Torben Grael e Marcos Soares correram nas raias de Florianópolis, a edição de 2008 bateu recordes de participação com 55 veleiros inscritos.

As inscrições podem ser feitas somente até as 20h desta segunda, e custam R$ 120 por tripulante.

Site oficial:
2011.circuitooceanico.com.br

Por Rosângela Oliveira
Da redação
Revista Náutica

Encontro sulbrasileiro de jet em Porto Alegre

fevereiro 7th, 2011 by

O envento reúne praticantes de jet ski mas também tem espaço para a família

Em 19 de fevereiro de 2011 acontece no Iate Clube e Camping da Pinguela o 1º Encontro Sul Brasileiro de Jet Skis. O Iate Clube Pinguela conta com estrutura de marina, restaurante, quadras esportivas e piscina, também é possível estacionar trailers no local.

O encontro vai reunir praticantes de jet ski e as atividades se iniciam com café da manhã e uma palestra com informações do roteiro do dia. Em seguida será realizado um passeio náutico pelas lagoas do litoral norte, com destino ao Rio Maquiné, junto à serra do Mar.

Para os inscritos que preferirem não participar do passeio, a organização preparou uma área VIP com lounge, atendimento por profissionais da Estética Visualité, espaço kids para as crianças, além de atividades aquáticas.

As inscrições, incluindo café da manhã, almoço e demais atividades são limitadas a 300 pessoas. Inscrições realizadas até o dia 17 de fevereiro, custam R$ 30 por pessoa. Após este dia, o preço será de R$ 40 por pessoa.

As inscrições podem ser realizadas na loja Motoryama de Porto Alegre ou por e-mail.
Endereço: Av. Farrapos 3946, telefone (51) 3406-4054 / 3406- 4059
e-mail: nautica@motoryama.com.br

Fonte: Revista Náutica