Entrar



Archive for julho, 2013

Sereia

julho 30th, 2013 by

sereia

Aviso de mau tempo

julho 29th, 2013 by

A Capitania dos Portos de Santa Catarina informa que foi fornecido pela Centro de Hidrografia da Marinha os seguintes avisos, a serem disseminados à comunidade marítima local, e recomenda atenção às embarcações que se encontram no mar.

AVISOS DE MAU TEMPO

AVISO NR 633/2013

AVISO DE MAR GROSSO

EMITIDO ÀS 1330 HMG – SEG – 29/JUL/2013

ÁREA ALFA A PARTIR DE 310000 HMG. ONDAS DE SW/SE 3.0/4.0 METROS.

VÁLIDO ATÉ 011200 HMG.

AVISO NR 634/2013

AVISO DE MAR GROSSO

EMITIDO ÀS 1330 HMG – SEG – 29/JUL/2013

ÁREA BRAVO A PARTIR DE 311200 HMG. ONDAS DE SW/SE 3.0/4.0 METROS.

VÁLIDO ATÉ 020000 HMG.

AVISO NR 635/2013

AVISO DE MAR GROSSO

EMITIDO ÀS 1330 HMG – SEG – 29/JUL/2013

ÁREA CHARLIE A PARTIR DE 010000 HMG. ONDAS DE S/SE 3.0/3.5 METROS.

VÁLIDO ATÉ 020000 HMG.

Anexo de E-mail

 

 

Para quem quer iniciar a navegar

julho 24th, 2013 by

Um ótimo curso on-line de Arrais Amador.

Acesse AQUI:

Veja o trailer abaixo:

 
.
Ótima iniciativa!
.
Vi no www.rumomagnetico.com

Será que assustou??

julho 24th, 2013 by

O vento e o frio

julho 19th, 2013 by

Parece simples, quanto mais vento mais frio sentimos. É a famosa Sensação Térmica.

Quando navegamos, estamos expostos ao vento, por isso é importante!

Veja abaixo como se calcula, segundo o site Só Física:

Nos termômetros, a temperatura marcada depende apenas da medição feita no ar. A sensação térmica, por outro lado, é a temperatura que realmente sentimos, tendo seu valor influenciado principalmente pela velocidade do vento, mas também pela umidade e densidade do ar, entre outros fatores climáticos.

Geralmente os valores de sensação térmica são tabelados para velocidades comuns do vento, porém, existe uma fórmula empírica para calcular esses valores:

Onde T é a temperatura em graus Celsius e v é a velocidade do vento em quilômetros por hora.

Assim, em um local onde a temperatura é 5 °C e o vento sopra a 40 km/h a sensação térmica é de aproximadamente -9,5 °C.

Para facilitar, veja a tabela abaixo:

.

frio e vento

Aviso Meteorológico II

julho 19th, 2013 by

Aviso Meteorológico II: Mar muito agitado no Litoral de SC nos próximos dias

O vento forte do quadrante sul das últimas das 12h, provocou forte agitação marítima no Litoral Catarinense e a altura de onda fica em torno de 2.0m, com picos de 2.5 a 3.0m em áreas mais afastadas da costa, nesta sexta-feira.

No sábado, a altura de onda diminui e fica em torno de 1.5 a 2.0m com picos de 2.5m.

No domingo e manhã de segunda-feira há previsão de ventos fortes e mar muito agitado, com picos de onda de 3.0m, devido a um ciclone extratropical na costa do Uruguai e o avanço da massa de ar polar (sistema de alta pressão) pelo Sul do Brasil.

Fonte: Epagri/Ciram

defesa civil

Aviso Meteorológico

julho 19th, 2013 by

Aviso Meteorológico para risco de temporal com granizo entre quinta (18) e sábado (20) e onda de fio intensa em SC a partir de domingo (21)

Fonte: Epagri/Ciram

No decorrer desta quinta-feira, o tempo muda com aumento de nuvens e condições de chuva em SC entre a tarde e noite, com risco de temporal e granizo isolado, especialmente no Planalto Sul e Litoral Sul, devido ao avanço de uma frente fria.

Na sexta-feira e no sábado, o tempo fica mais úmido e nublado com condição de chuva na maioria das regiões. Risco de temporal e granizo isolado na sexta. As temperaturas estarão baixas durante o dia.

A partir de domingo, a temperatura despenca em SC com a chegada de uma nova e intensa onda de ar polar, com previsão de temperatura negativa nas áreas altas do estado, variando de -10°C a -8°C em Urupema, Urubici, Painel, Bom Jardim da Serra e São Joaquim, e de 0°C a 3°C no Litoral, na segunda e terça-feira, com chance de igualar e até quebrar recorde de temperatura de julho, frio histórico.

Há chance de neve no domingo nas áreas altas do Planalto Sul, especialmente entre a tarde e noite.

Atenção para noite de domingo, segunda e terça-feira (21 a 23/07): há condições de geada forte e ampla no estado, com chance de geada negra especialmente nas áreas altas do Oeste, Meio Oeste, Planalto Sul e Planalto Norte, com risco para agricultura e pecuária.

Risco de congelamento na pista em alguns trechos da Serra do Rio do Rastro e Corvo Branco.

Recomendações da Defesa Civil

Tempestades com descargas elétricas, vento e/ou granizo: permanecer em em local seguro e não transitar em locais abertos, próximo a árvores, placas plublicitarias ou objetos que possam ser arremessados. Se houver granizo é aconselhável que as pessoas se protejam em lugares com boas coberturas, ao exemplo dos banheiros das residências, fechar janelas e portas, e não manusear nenhum equipamento elétrico ou telefone devido aos raios e relâmpagos.

Geada ampla e geada negra: agricultores deverão tomar medidas preventivas.

Onda de frio intenso: atenção com população mais vulnerável, como moradores de rua, idosos e crianças.

Gelo na pista: cuidado ao trafegar na Serra do Rio do Rastro e Corvo Branco entre domingo e segunda.

Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou para o Corpo de Bombeiros, no número 193. A Defesa Civil do Estado conta com atendimento de 24 horas, com equipes de prontidão. O telefone para contato é o (48) 4009-9816.

defesa civil

 

Acho que vai ficar tudo assim:

img_3671

 

Observação de baleias proibida em SC

julho 14th, 2013 by

Tribunal Regional Federal da 4º Região mantém a suspensão do Turismo de Observação de Baleias Francas no litoral de Santa Catarina.

5 JULHO 2013

Considerando a preservação das baleias franca a finalidade preponderante da Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca (APA), o Tribunal Regional Federal 4ª Região confirmou, nesta terça feira (02/06), a suspensão do Turismo de Observação de Baleias determinado pela Justiça Federal de Laguna em maio. Na ação civil pública movida pelo Instituto Sea Shepherd Brasil (ISSB) em 2012 contra o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) ficou comprovado que não existem estudos sobre a viabilidade ambiental da atividade, mesmo que a APA tenha sido fundada há treze anos.

“(…) a preocupação em não só estimular a educação ambiental, como menciona o ICMBio, e em proteger a atividade econômica dos trabalhadores que dela dependem mas, principalmente, a necessidade de se preservar a espécie em unidade de conservação em que é imprescindível o devido licenciamento ambiental. As fotos juntadas pelo peticionante ISSB demonstram que a ação antrópica pode colocar em risco a reprodução dos cetáceos”, fundamenta o Desembargador Federal Fernando Quadros da Silva na decisão que negou o pedido de retorno da atividade pelo ICMBio.

As baleias franca constam no Livro Vermelho das Espécies Ameaçadas de Extinção do IBAMA, sendo esta a condição mundial desses cetáceos o que levou diversos países a proibirem a utilização de barcos para a sua observação. Dois fatores justificam essa proibição, a espécie possui o hábito de permanecer a menos de 20 metros da faixa terrestre, e procuram as enseadas para constituir seus berçários, tornando-se mais vulneráveis ao molestamento.

“Eu não imaginava outra decisão do Tribunal. Desde o momento em que o ICMBio admitiu na ação judicial de que não existem estudos sobre essa atividade que gera impactos direitos nas baleias franca que a situação não se alterou, mesmo que a APA siga afirmando que eles existem”, comenta a advogada do ISSB Renata Fortes, e conclui “A necessidade de análise da viabilidade não parte de uma exigência do ISSB, mas do cumprimento da legislação e, para quem realmente se importa com as baleias, exigir o esclarecimento dos impactos é uma questão de coerência. Antes de serem consideradas recursos financeiros, as baleias são seres vivos.”

“O Poder Judiciário está atento às causas ambientais e a decisão vem corroborar a crescente preocupação na proteção do meio ambiente, um direito de todos. Neste caso específico, a alegação de prejuízos econômicos não pode se sobrepor a preservação de uma espécie ameaçada de extinção, principalmente, pela possibilidade da realização do turismo de avistamento de baleias franca por terra, em vários pontos da região, bem como a execução de monitoramento aéreo e também terrestre, para fins de censo de identificação visual” – pondera Luiz André Albuquerque, coordenador jurídico do ISSB.

 

Fonte: Sea Shepherd

Mais pessoas incríveis

julho 14th, 2013 by

Vídeo….

julho 13th, 2013 by