Entrar



Após explosão, mancha de óleo de 1,5Km

quinta-feira, setembro 2nd, 2010 by

As autoridades detectaram uma mancha de petróleo na área onde nesta quinta-feira uma plataforma petrolífera registrou uma explosão no Golfo do México, segundo disse à agência EFE uma porta-voz da guarda costeira dos Estados Unidos.

Segundo a porta-voz, a mancha é de 1,6 mil por 30 m e “não se sabe” de onde provém exatamente, mas está nos arredores da plataforma acidentada, nas mesmas águas onde ocorre o vazamento da BP. A plataforma continua sendo atingida pelas chamas.

Um porta-voz da Mariner Energy, a companhia petroleira proprietária da plataforma, tinha informado pouco antes que não havia nenhum sinal visível de contaminação.

A plataforma acidentada nesta quinta-feira é a Vermilion Oil Rig 380, de propriedade da Mariner Energy com sede em Houston (Texas), e está localizada a cerca de 160 km do litoral da Louisiana (EUA).

Treze pessoas que se encontravam nas instalações pularam na água com trajes especiais e estão a salvo. Primeiramente, todos os resgatados foram levados de navio para outra plataforma, depois foram transferidos de helicóptero para um hospital em terra firme.

O acidente aconteceu a oeste de onde se originou o vazamento de petróleo da BP a partir de uma explosão que ocorreu no dia 20 de abril na plataforma Deepwater Horizon, o pior desastre ecológico da história dos EUA.

Pouco depois da explosão, o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, informou que o poço “não está ativo”, mas disse que, caso haja contaminação, os recursos para responder estão prontos.

Um porta-voz da Mariner Energy, Patrick Cassady, disse a CNN que ainda são desconhecidas as causas do incidente e que a empresa está investigando.

“Parece que (os trabalhadores) pararam a produção e foram evacuados”, disse Cassady, que confirmou que não há operações de perfuração na plataforma e informou que há sete poços petrolíferos ao redor.

Segundo Cassady, a plataforma estava em reforma por conta dos danos ocasionados pelo furacão “Ike”, que assolou o Golfo em 2008, e que o fogo parecia provir do noroeste das instalações.

O acidente ocorreu em torno das 11h30 no horário de Brasília e a Guarda Litorânea enviou várias unidades e quatro helicópteros para resgatar aos operários que pularam no mar.

Com informações adicionais da agência AFP

Terra.com.br

Comments are closed.