Entrar



A primavera mostra sua cara!

quarta-feira, setembro 26th, 2012 by

Rajadas de 60 km/h causam destelhamento e queda de árvores em Florianópolis

Há chance de neve na Serra nesta noite e temperatura mínima de zero grau

Vento começou a soprar mais forte no fim da tarde na Grande Florianópolis
Foto: Flávio Neves / Agencia RBS
.
O vento sul trouxe frio e chuva e fez as pessoas buscarem abrigo no Centro de Florianópolis. Em seis horas, a mudança brusca no tempo derrubou a temperatura em oito graus em Chapecó.

Por volta das 17h desta terça-feira, o vento começou a soprar mais forte na Grande Florianópolis. Rajadas de 60 km/h causaram destalhamentos e quedas de árvore na Ponta do Leal, no Estreito, no Maciço do Morro da Cruz e em ruas do Centro da Capital.

Uma menina foi ferida no pé por uma placa metálica que voou do prédio ARS pela força do vento, na Rua Felipe Schmidt, em Florianópolis. A garota teria sido levada ao Hospital Celso Ramos. Não há registro de outras pessoas feridas por causa do mau tempo na cidade. Houve pequeno destelhamento em um prédio na Rua Esteves Junior, Centro da Capital.

Mar agitado e chance de neve

Segundo o coordenador da Defesa Civil de Florianópolis, Luiz Eduardo Machado, a velocidade de 60 quilômetros por hora preocupa principalmente em relação a edificações mais vulneráveis. Parte de uma casa de madeira caiu na Ponta do Leal. Ninguém se machucou.

A Defesa Civil Estadual e a de Palhoça e São José não registraram ocorrências até o início desta noite. O mar está agitado, com ressaca e ondas de até dois metros e meio de altura.  A navegação no Litoral é desaconselhável.

A forte massa de ar frio e seco que chegou favorece a ocorrência de chuva congelada e neve nas áreas mais altas do Planalto Sul na noite desta terça-feira, onde a temperatura pode chegar a zero grau.

Previsão para quarta-feira, dia 26

A previsão para esta quarta-feira é de ventos fortes com rajadas entre 50 e 70 quilômetros por hora. Qualquer atividade no mar é desaconselhável. As ondas podem chegar a três metros e meio de altura.

Temperaturas variam entre dois graus negativos no Planalto Sul e máxima de 18 graus no Litoral Norte. Na Grande Florianópolis mínima de sete e máxima de 17 graus.

Informações são do Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Ciram)/Epagri.

.

Neva na Serra catarinense na noite desta terça-feira

Previsão de neve continua nesta quarta-feira em Santa Catarina

Nevou por cerca de 20 minutos em São Joaquim
Foto: Vani Boza / Agencia RBS
.
Moradores de São Joaquim, na Serra catarinense, viram a neve cair por cerca de 20 minutos na noite desta terça-feira. O fenômeno começou fraco às 21h10min. No início da noite, os termômetros marcavam 1,8ºC, mas a sensação térmica era de -6ºC.
Segundo informações do Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de SC (Ciram), o registro mais recente de neve nessa época aconteceu no início de setembro de 2008, também em São Joaquim.

De acordo com o meteorologista Leandro Puchalski, o frio no início da primavera não ocorre com frequência, mas é considerado normal no Estado. Puchalski explica que a mudança de estação refere-se à astronomia e ocorre não necessariamente acompanhada de uma mudança meteorológica.

Durante o inverno, em julho, nevou no alto do Morro da Igreja, no Parque Nacional de São Joaquim, que faz limite entre os municípios de Bom Jardim da Serra, Orleans e Urubici, Planalto Serrano. No dia 8 de julho, os termômetros marcaram -4,4ºC na região.

Possibilidade de neve continua nesta quarta-feira

Apesar de a primavera ter se recém-iniciado, ainda há possibilidade de neve ou chuva congelada na Serra catarinense durante a manhã desta quarta-feira. A massa de ar frio seco de origem polar se aproxima do Estado e favorece a ocorrência dos fenômenos na região. A temperatura pode alcançar os -2ºC.

A previsão para esta quarta-feira é de ventania com rajadas de vento de até 70 km/h como aconteceu nesta terça-feira na Capital, que chegou a destelhar casas. A presença de “geada negra”, (sem a camada fina de gelo, mas que queima a vegetação) pode ocorrer principalmente no Oeste e Meio-Oeste.

Nesta terça-feira, a temperatura caiu 8ºC em apenas seis horas em Chapecó. Os termômetros, que marcavam 18,3ºC às 12h45min, chegaram a 9,9ºC às 18h30min.

Vento sul deixa mar agitado nos próximos dias

Quanto à navegabilidade, há também previsão de ressaca nesta quarta-feira, principalmente no Litoral Sul. Segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos, o mar continuará agitado quinta-feira, mas com menor intensidade. O vento sul será constante e forte, provocando ondas que podem atingir picos entre 2,5 a 3 metros.

A orientação da Defesa Civil é que qualquer problema seja comunicado no 199 ou ao Corpo de Bombeiros no 193. O plantão é o (48) 3244-0600 ou 4009-9816.

O frio deve permanecer nos próximos dias mas a meteorologista Silvia Garcêz, do Ciram, diz que as condições devem ficar mais estáveis. No final de semana, há chance de chuvas isoladas e céu com nuvens em SC.

Fonte: ClicRBS

Comments are closed.